• CEO do dr.consulta: “A tendência é sermos cada vez mais eficientes e atender melhor o paciente usando menos dinheiro e menos tempo”

    Nesta segunda parte da entrevista de Renato Velloso ao FH Talks, ele fala sobre como a inteligência artificial permite que a healthtech ocupe pelo menos 85% da agenda dos médicos, garantindo que sempre haja o especialista que o paciente precisa na unidade certa.
    Cláudia de Castro Lima | 21 dez 2020

    Com mais de 1,8 milhão de pessoas atendidas em mais de 60 especialidades médicas, o dr.consulta é uma das maiores healthtechs brasileiras. Em 2020, a empresa recebeu as três maiores rodadas de investimento do país, somando mais de 167 milhões de dólares. 

    A rede investe muito em tecnologia, especialmente para deixar seus processos mais inteligentes. “A tendência é a gente encontrar uma maneira de ser mais eficiente”, disse Renato Velloso, o CEO do dr.consulta, nesta segunda parte da entrevista que ele deu para o FH Talks (a primeira parte você encontra aqui). 

    “Quero dizer: com menos dinheiro e menos tempo, a gente chegar a um resultado melhor para o paciente. É isso que a gente tem procurado fazer”, afirmou ele.

    A rede, que oferece mais de 3 mil serviços entre exames, fisioterapia, acupuntura, odontologia e cirurgias de baixa complexidade, conta com um corpo clínico de 1.400 médicos. Que, segundo Renato, conseguem ter até 85% de suas agendas preenchidas com ajuda da tecnologia.

    “Em nosso modelo de escala médica com tecnologia artificial conseguimos colocar o médico correto no dia da semana correto no centro médico correto no horário em que o paciente está lá”, conta. “Isso traz eficiência”.

    Veja os principais trechos da entrevista abaixo.


    Confira Também: